Contador de visitas

sexta-feira, 13 de abril de 2018


ELY SANTANTONIO
Fatos&Fofocas


O HOMEM DA MALA 


  Cada vez mais rico e soberano, Frei Dorilêo Leal (Grupo Gazeta, Vila Real, Cultura, etc.) adquiriu mais 5 emissôras de rádio no Nortão. Disseram-me  que pertenciam ao grupo falido do ex-governador Silval Barbosa.

MANDIOCÃO NO JAYME
Ao defender a não realização das eleições majoritárias deste ano e sim a prorrogação do mandato eletivo de quem já está eleito, o vereador de Várzea Grande, João Tertuliano, o Joãozito (DEM), foi contra o próprio partido, e principalmente, contra Jaime Campos (DEM) que já anunciou sua pré-candidatura a majoritária, ou ao governo do Estado ou para o Senado Federal.


PICA DO SACI


Em Sinop, a situação da prefeita Rosana Martinelli (PR) continua preta  após ser alvo de denúncia de fraudes em licitações feitas por alguns vereadores. No começo de fevereiro deste ano, foi apresentado na Câmara de Sinop um requerimento para instalação de uma CPI para apurar possíveis irregularidades na contratação de um conjunto de obras de infraestrutura. Agora, o Ministério Público, por meio da promotora Marise Rabaioli Sousa, transformou em inquérito civil as duas denúncias de de vício e irregularidades em duas licitações do município.

WILSON CONTINUA DANDO

Com sua mania de elogiar o desgastado e desacreditado governador Pedro Taques, o deputado Wilson Santos continua dando motivos para que o eleitorado rejeite sua candidatura em 2018, como pez para prefeito em 2016. As vezes,  melhor é ficar calado.

FERRANDO O "BOM BAIXINHO"

O Instituto de Seguridade Social dos Servidores de Várzea Grande (Previvag) foi alvo da Polícia Federal na quinta-feira (12) durante a Operação Encilhamento, deflagrada também em Rondonópolis e cidades de outros 6 estados. As informações do atual presidente do Previvag, Juarez Toledo Pizza, são de que o instituto perdeu mais de R$ 2 milhões que foram aplicados em fundos de pensões. De acordo com Jurarez, entre 2013 e 2014, foram investidos cerca de R$ 8 milhões nos fundos de pensões vinculados ao Postalis e Serpros. Ou seja, tudo na gestão do ex-prefeito Walace Guimarães (PV), popular "Bom Baixinho",  que teve o mandato cassado em maio de 2015.

CAIXA II ATÉ NA TAMPA


Com Caixas II e II abarrotados, Emanuel Filho (PTB), filho do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), que concorrerá a Câmara Federal, poderá complicar  a situação da família. Além da imagem do prefeito que não está nada boa depois do vídeo recebendo  propina na gestão do ex-governador Silval Barbosa, tem gente no MPE doidinha para rastrear a "bufunfa"  da campanha.

EMPRESÁRIO "GENTE FINA"

 O empresário Walter Magalhães Dias Júnior- réu na operação “Castelo de Areia”, que apura a atuação de uma quadrilha que praticava crimes contra o sistema financeiro responsável por golpes de R$ 50 milhões -, teria comprado uma Cherokee no valor de R$ 88 mil com um cheque sem fundo. N.M.S.J., que alega ser o verdadeiro proprietário do veículo, pede na Justiça a restituição do bem, bloqueado na deflagração da operação, em 2016, realizada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO)

JÚLIO MOSTRA FIXA DE "TAQUES CALOTEIRO"


O ex-governador e ex-senador (entre outros cargos) Júlio Campos (DEM) voltou a tecer críticas pesadas ao governador Pedro Taques (PSDB), dizendo que que o tucano gosta de se fingir de morto para não cumprir com compromissos assumidos., classificando-o como CALOTEIRO,  mau pagador e grande devedor das  suas empresas, entre elas a Televisão Brasil Oeste.

BOMBA!BOMBA!BOMBA!

Na emissora do Júlio, apresentando o RESUMO DO DIA, Roberto França mostrou que tem força,  prestígio, e conseguiu receber cerca de R$ 250 mil em propagandas atrasadas do governo CALOTEANTE Pedro Taques... Só na base do BOMBA!BOMBA!BOMBA!....

E TOME ASFALTO "CASCA DE OVO"

Para 2018, o prefeito Emanuel Pinheiro assinou uma ordem serviço autorizando o investimento de mais R$ 11 milhões na ação de "melhorias" da malha viária cuiabana. É O CAIXA II JÁ CUSPINDO MAÇOS PELA TAMPA!

ANTERO, O COBIÇADO
Cortejado pelos principais pré-candidatos a governador, o ex-senador Antero de Barros está muito próximo de fechar contrato para comandar o marketing eleitoral do senador, Wellington Fagundes (PR).

sexta-feira, 6 de abril de 2018


GOLPE TIRARÁ O BRASIL DA LAMA

GETULIO VARGAS, HEROI BRASILEIRO EM SEU LEITO DE MORTE

( por ELY SANTANTONIO) 


O País está a  passos de um golpe de Estado. Não esse fictício, atribuído a Michel Temer, fraco, na corda bamba. Caso ocorra, e tudo encaminha para o desfecho, exterminará, enfim, os antros de corrupção, de roubalheiras,  que tornam os ricos cada vez mais ricos e os pobres a mercê das BOLSAS (Família, uma delas).

Uma revolução com pouco sangue (rico não costuma enfrentar rajadas de balas), aguardada com ansiedade pelas camadas mais pobres, ansiosa por realísticas reformas agrarias, tributárias e correta distribuição de rendas.

Uma revolução que extinguirá  prefeituras, câmaras municipais, governadorias, empresas públicas e associações trambiqueiras, judiciário corrupto e fascista, ministério público hollyoodiano, ambos com membros  sorridentes para holofotes e manchetes jornalísticas,  Congresso Nacional bichado e infame, além de outras conhecidas  fontes de trambiques  e cabides de emprego que atravancam a Nação e impedem que o povo tenha Saúde decente, Educação, Saneamento,  Estradas e outros benefícios possíveis num País rico e abençoado pela Natureza como é o Brasil.

Torço, honestamente, para que as Forças Armadas saiam do muro e coloquem o País no trilho, o mais rápido possível. Tudo encaminha para isto, e o povo não merece uma "democracia" tão fajuta quanto a que vivenciamos nas três últimas décadas. 

LULA HERÓI? LULA COVARDE?

Estivesse eu no lugar do presidente Lula, doente e já carcomido por tantas denúncias (verdadeiras ou não), aproveitaria para  num gesto de grandeza e desapego a vida e bens materiais, fazer como fez Getúlio Vargas. 

Um tiro no coração, sem tempo para dor ou lamentações, e o nome limpo, idolatrado, gravado para sempre nos anais da história, tendo como palco para o desfecho grandioso e heroico a sede do sindicato que o projetou para o mundo. 


quarta-feira, 4 de abril de 2018


FEDERAIS COLOCAM GOVERNADOR MENTIROSO E CALOTEIRO CONTRA PAREDE

A bancada federal de Mato Grosso deve se reunir na próxima quinta-feira (5) com o governador Pedro Taques (PSDB) para cobrar explicações a respeito da  não aplicação dos R$ 100 milhões em emendas impositivas destinadas à Saúde. Os 8 deputados federais e 3 senadores irão cobrar mais transparência na aplicação das emendas para a Saúde, que tem a execução obrigatória. Porque existe muita reclamação de prefeitos e hospitais alegando que não receberam esses recursos. De acordo com os parlamentares, vários municípios reclamam que os recursos não foram aplicados de maneira correta. Já o governo garante que os R$ 100 milhões foram usados para pagar os hospitais filantrópicos e dívidas com os hospitais regionais. Porém, as diretorias dessas unidades negam e apontam o governador pedro Taques como sendo "grande mentiroso e caloteiro".. As emendas foram liberadas em fevereiro, no total de 168 milhões, sendo que destes, R$ 100 milhões serão para a Saúde e outros R$ 68 milhões para projetos de regularização fundiária.

O Governo do Estado decretou intervenção por 180 dias no contrato firmado entre o Departamento Estadual de Trânsito em Mato Grosso (Detran-MT) e a empresa EIG Mercados, investigada na Operação Bereré. Assinada pelo governador Pedro Taques (PSDB), a decisão foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (04).O esquema no Detran foi descoberto durante a Operação Bereré, deflagrada no dia 19 de fevereiro Em delação, o irmão de Silval Barbosa, Antônio Barbosa, disse que o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Eduardo Botelho, teria se beneficiado com um esquema no Detran. Segundo ele disse em depoimento, houve fraude no serviço de gravames de veículos (registro de contratos de financiamento), através de uma empresa ligada a ele. O deputado estadual Mauro Savi e o ex-deputado federal Pedro Henry também foram apontados por ele como integrantes do esquema.

 O governador Pedro Taques (PSDB) convidou a imprensa para acompanhar a entrega das contas de governo de 2017, no Tribunal de Contas do Estado (TCE), no fim da tarde desta terça-feira (3). A assessoria informou que a entrevista coletiva seria concedida somente ao fim da reunião com os conselheiros. Desse modo, os repórteres esperaram por uma hora. O tucano, porém, fez um breve pronunciamento e abandonou a coletiva logo na primeira pergunta. Taques, que já tem como marca registrada o desrespeito com a imprensa, desta vez se superou.

terça-feira, 3 de abril de 2018


"PASTOR TARADO" DEIXA SECRETARIA CULTURAL DE TAQUES PARA "VIRAR" DEPUTADO

O  jornalista  e pastor evangélico Kleber Lima, fiel escudeiro do governador Pedro Taques (PSDB) que ocupa a gestão da Secretaria de Estado de Cultura deixa o cargo e deve sair candidato à deputado estadual pelo Solidariedade (SD). O anúncio do comunicador quanto a sua exoneração foi feito na tarde desta terça-feira (27), e ele deixará a pasta a partir da próxima quinta-feira (29). Lima enfrentou rejeição para se filiar no partido. O motivo, é que ele é réu em uma ação que investiga atos de assédio moral e sexual contra servidores, e membros da sigla protestaram a adesão do comunicador. Porém, Lima foi convidado pelo presidente do Solidariedade, o prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio para fazer parte do grupo. O prefeito teria acatado uma ordem do governador para que o jornalista tenha a chance de disputar ao legislativo por uma legenda aliada aos tucanos. O secretário responde pelos crimes de assédio sexual e moral quando era secretário de Comunicação nos anos de 2016 e 2017. Ele chegou a ser afastado no ano passado e voltou após a justiça determinar. Atualmente virou réu na ação, e deve em breve passar por um julgamento

ESQUEMAS FRAUDULENTOS POVOAM NA GESTÃO TAQUES

A deputada estadual Janaína Riva (MDB) denunciou um possível favorecimento na licitação para a concessão de rodovias estaduais realizada em fevereiro deste ano. A denúncia foi protocolada em três órgãos de controle - Tribunal de Contas, Ministério Público e a própria Assembleia. Segundo Janaína Riva, uma das empresas integrantes do Consórcio Via Brasil pertence ao empresário José Geraldo Nonino, sócio do secretário de Desenvolvimento Econômico, Carlos Avallone, numa PCH (Pequena Central Hidrelétrica) no Estado. Uma negociação da PCH em que Avalone e Nonino seriam sócios vem sendo investigado dentro da "Operação Ararath". O ex-governador Silval Barbosa teria liberado um crédito tributário de R$ 73 milhões para a PCH em troca de propina para quitar dívidas com o BIC Banco.
OPOSIÇÃO "BOSTA DE CACHORRO" DESAFIADA POR GOVERNADOR "DURÃO"

O governador Pedro Taques (PSDB) endureceu o tom e rebateu as críticas que vem recebendo nos últimos dias de seus oposicionistas e ex-aliados políticos. O gestor tucano desafiou os críticos a apontarem qual o erro que ele cometeu durante esses quase quatro anos de gestão. “As pessoas dizem que Taques errou, mas não têm coragem de falar errou em quê. Errou em ajudar aquele que é mais humilde? Se ajudar aquele que mais precisa é pecado, quero confessar a vocês que sou pecador, porque sou governador para tratar daquele que mais precisa. Estão dizendo que errei. E não tem coragem de dizer o que errei”, disse Taques, durante discurso, em evento de entrega de barracas de feira adquiras pelo Estado, na manhã desta segunda-feira (2). Diante disso, Taques afirma que pretende continuar errado, dando a entender que quer permanecer mais quatro anos à frente do Palácio Paiaguás. “Quero fazer uma delação premiada a vocês, quero confessar e dizer que errei. Errei em ajudar aquele que mais precisa, aquele que é mais pobre, que é mais humilde. Por isso sou governador de Mato Grosso. Quero continuar a errar e errarei muito ainda”, afirmou.


A deputada Janaina Riva (MDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa para fazer acusações pesadas contra seu desafeto declarado, o governador Pedro Taques (PSDB). A parlamentar elencou uma série de dúvidas quanto à postura dele em escândalos da atual gestão e chegou a afirmar que o tucano simplesmente deu seguimento aos esquemas de corrupção confessos de seu antecessor, o condenado e em regime semiaberto monitorado por tornozeleira eletrônica Silval Barbosa. Em um vídeo que circula nas mídias sociais e messengers, ela bate firme como poucas vezes fez, discursando a seus colegas de parlamento (veja o vídeo abaixo). Ela fala sobre a delação de Alan Malouf quanto aos escândalos na Secretaria de Educação (Seduc), de Paulo Taques e a grampolândia, mas vincula-o aos desvios apontados na Operação Bereré, no Detran, ironizando o que, para ela, é jogo de cena (desconhecimento e não participação nos atos), fala de Giovani Guizardi e a Sinfra e, de novo Seduc, e segue num crescendo até afirmar que Pedro Taques hoje em dia é muito pior que qualquer deputado. “Dizer que estamos vivendo em um estado sério, aí eu já não sei. Já temos o primo do governador envolvido nos grampos, no qual ele foi preso, ainda tem os secretários e o mandante, que é ele próprio, mas a justiça ainda não descobriu, é muito difícil descobrir quem grampearia a oposição, pra não dizer que é óbvio, então, até agora não chegaram no governador”, diz, e isso é só o princípio do vídeo. Ela termina dizendo que Taques não engana mais ninguém, de honesto não tem mais nada e ironiza os índices de rejeição apontados, de 26%, desafiando a encontrar “10 na rua onde só dois falam que não votam nele de jeito nenhum”.

segunda-feira, 26 de março de 2018


"SAPATA" ASSUMIDA E FIEL DEFENSORA DE PEDRO TAQUES LEVA TREMENDO "PÉ NA BUNDA"


A maior defensora do governador Pedro Taques (PSDB) em redes sociais, "SAPATONA" ASSUMIDA, a militante virtual e assessora especial da Casa Civil, Marimax Almeida foi desprestigiada pela equipe que tanto defende. Na recente visita do governador Pedro Taques a Rondonópolis, um secretário do  governo falou em alto e bom tom que “Marimax não representa o governo e não mais é assessora de Taques”. Um balde de água fria na corajosa assessora, que sempre defendeu com unhas e dentes a gestão de Pedro Taques.

(POR CÍCERO HENRIQUE)



 A reunião do DEM ontem (23), foi uma palhaçada. Nos bastidores os comentários eram que isso não passava de armação do ex-senador Jayme Campos para forçar o governador Pedro Taques (PSDB) a conversações. Ou seja, o DEM não quer ter candidato ao governo, mas sim permanecer no ninho tucano. As lideranças e dezenas de pessoas do interior foram enganadas e só servem como objetos de manipulação por parte dos dirigentes da executiva nacional e estadual.

Participando ativamente das tratativas para formar a chapa de reeleição de Pedro Taques (PSDB), o secretário estadual de Cidades Wilson Santos, também do ninho tucano, avalia que o ex-prefeito Mauro Mendes não deve ir para a oposição ao governador. Para isso, argumenta que o agora democrata foi “bastante ajudado” pelo governo Taques em suas ações frente à Prefeitura de Cuiabá, entre 2015 e 2016 quando estava filiado ao PSB. “Vocês se lembram bem, nos 2 primeiros anos do prefeito Mauro, a avaliação não passava de razoável”, disse Wilson em entrevista ao Jornal do Meio Dia, na TV Vila Real. Veja vídeo ao final da matéria. O secretário elencou algumas das ocasiões em que o Estado ajudou na gestão da Prefeitura de Cuiabá. “Quando Pedro Taques assume o governo em 2015 é que acontece 20 leitos de UTI pediátrica no Pronto Socorro da capital, é que acontece o início da construção do novo Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá, onde o governo está pagando dois terços, o grande programa de pavimentação asfáltica de Cuiabá teve parceria do governador Pedro Taques, o recapeamento da Prainha, da 15 de Novembro, da Avenida do CPA teve apoio decisivo e majoritário do governo Pedro Taques”, destacou. Diante desse apoio, Wilson defende que Mauro Mendes fique na base do governador, chegando a dizer que este poderia assumir o posto de vice-governador. “Eu tenho certeza que o ex-prefeito Mauro Mendes, que é muito bem-vindo em nossa aliança, não ficará contra o Pedro, até porque ele tem uma tradição de gratidão”, disse.
PEDRO TAQUES MONTA DOSSIÊ CABELUDO CONTRA WELLINGTON FAGUNDES

Nos bastidores, a informação é que no QG de Pedro Taques a movimentação é intensa. Dizem as más línguas que Taques mantém, em seu escritório, um dossiê conhecido como a “Pasta Verde”, em alusão à cor preferida do senador Wellington Fagundes (PR), um dos virtuais pré-candidatos da oposição. Vai de "escapadas homossexuais" a milhões "garfados" de órgão federais e empreiteiras.

 O MDB oficializou apoio à pré-candidatura do senador Wellington Fagundes (PR) ao governo do Estado e vai indicar o ex-prefeito de Sinop, Juarez Costa (MDB), como candidato a vice do republicano. A possível dobradinha foi confirmada pela deputada estadual Janaína Riva (MDB) em entrevista nesta segunda-feira (26) à Rádio Capital FM. Na tarde desta segunda-feira, o partido realiza um evento ampliado para anunciar o apoio a Wellington Fagundes. O ato ocorrerá no Hotel Delmond, em Cuiabá. Nora de Wellington Fagundes, Janaína não participou da reunião que definiu o apoio ao senador. Porém, se mostrou satisfeita que a legenda vai seguir com um candidato de oposição ao governador Pedro Taques

quinta-feira, 8 de março de 2018

APONTANDO "CLASSIFICAÇÕES" DO GOVERNADOR COMO VAGABUNDO, MENTIROSO, SEM PALAVRA E TAPEADOR, JORNALISTA COMPARA PEDRO TAQUES AO IMPERADOR  NERO, AQUELE QUE INCENDIOU ROMA!


(POR CÍCERO HENRIQUE)

Eu cubro política há mais de 30 anos e nunca vi um governador ser tão esculachado, xingado, como Pedro Taques (PSDB). E olha que ele foi ex-procurador da República, posando de moralista. Mas agora não tem mais moral para nada. Por todos os cantos e até nas redes sociais ele é xingado em memes humilhantes. Ontem (6) no site MidiaNews, o deputado estadual Zeca Viana (PDT) chamou o governador de "mentiroso e vagabundo". Sem contar outros depoimentos de deputados, além de prefeitos, que não respeitam mais o governador Pedro Taques.

 Para disfarçar a 'falta de palavra' e as 'mentiras' usa e abusa de frases de efeito. A estratégia não tem mais dado certo e o governador colhe os frutos do que plantou. Quando um governante perde o respeito é porque a situação está muito grave. Na imprensa ninguém mais acredita nele, o mesmo ocorre com os prefeitos e políticos. Por onde ando todos xingam e esculhambam o governador Pedro Taques. Não vejo ninguém falando bem dele. O mais engraçado nisso tudo é que não vejo pessoas defendendo Pedro Taques nas redes sociais como acontecia há quatro anos.

 Pedro Taques mais parece Nero que incendiou Roma num ato de loucura, ao mentir e querer parecer um paladino da moralidade e político que entende de gestão pública. Aliás, de gestão ele não entende nada, o que ele entende mesmo é no que diz respeito aos assuntos ligados ao Ministério Público Federal. Quem quer respeito tem que se dar ao respeito. Quem quer ser confiável, não pode mentir. Isso o governador Pedro Taques não tem conseguido fazer.
JANAÍNA CLASSIFICA GOVERNO PEDRO TAQUES COMO DESONESTO, LADRÃO, MENTIROSO E O PIOR DA HISTORIA!

TAQUES E JANAÍNA

Em um aparte na fala do deputado estadual Zeca Viana durante sessão plenária, a deputada estadual Janaina Riva (MDB) afirmou    que a sociedade começa a ter dúvidas com relação à honestidade do governo e do governador Pedro Taques, que segundo ela, já protagoniza a gestão mais pífia da história de Mato Grosso. “Dúvidas acerca dessa gestão e da honestidade dela nós temos muitas, porque de honesto esse governador não tem mais nada". 
ESQUEMAS  MILIONÁRIOS NO DETRAN E SINFRA
A sociedade está cheia de dúvidas. Roubalheiras continuam ocorrendo.  Porque é que tem empresas delatadas pelo ex-governador Silval Barbosa não somente no Detran, mas também outras que continuam recebendo da Sinfra milhões e milhões de reais. Gostaria que alguém me explicasse como um governador chama a oposição de fracassada, estando à frente da gestão mais pífia e rejeitada da história de Mato Grosso”, desabafou a parlamentar. Segundo a deputada, é visível que o governo do estado tem dificuldade de tratar dos seus problemas internos. “Uma coisa que não podemos negar é que o governo do estado tem dificuldade de tratar dos seus problemas internos.
MEDO DE PERRY E DENÚNCIAS "ENGAVETADAS" NO STJ
 Teve dificuldade para tratar do rombo da Seduc, teve dificuldade de tratar das denúncias do Detran, teve dificuldade para tratar de todas as denúncias que até agora envolveram os grampos, que aliás, hoje completam 300 dia. E oque fica é a indagação: oque aconteceu? Oque fizeram? Como ficam as vítimas? Vai ficar desse jeito?”, indagou. Ainda com relação aos grampos ilegais, Janaina lembrou do esforço que governo do estado fez para tirar a ação das mãos do desembargador Orlando Perri. “Um esforço enorme, fizeram de tudo para tirar o processo das mãos do sério, competente e honesto desembargador Orlando Perri, homem de muita coragem e respeitado em todo o estado de Mato Grosso. Fizeram esse esforço para tirar daqui de Mato Grosso e desviar o foco. Ora, quem teria interesse em ouvir ilegalmente os opositores do governador Pedro Taques?”, disse. 
HOMEM DE DUAS CARAS
Sobre o fato de o governador ter chamado a oposição de fracassados, Janaina rebateu. “O governo do estado passou a agredir toda a oposição, nos chamando de fracassados. Alguns dias atrás na abertura aqui dos trabalhos legislativos ele dizia oque seria de uma Assembleia se não fosse a oposição. Talvez ele sofra de um transtorno de bipolaridade, onde ele tem uma opinião as vezes e depois outra. Um homem de duas caras”, finalizou.
ELE SABE TUDO!!
================
 RIVA ENTREGA CHEFÕES DA QUADRILHA QUE SAQUEAVA O DETRAN-MT. PRIMO DO GOVERNADOR INTEGRAVA O BANDO!


Em depoimento à Policia Civil, o ex-deputado José Riva afirmou que ouviu do deputado Mauro Savi a informação de que ele dividia o dinheiro da propina, resultante do contrato entre a FDL e o Detran, com o deputado Eduardo Botelho, o ex-deputado federal Pedro Henry e com o ex-chefe da Casa Civil, Paulo Taques. Savi lhe contou que o rateio incluía o atual chefe do Legislativo, Eduardo Botelho (PSB), o ex-deputado federal Pedro Henry e o advogado e ex-secretário de Estado Paulo Taques. Riva foi ouvido no dia 22 de fevereiro pelos delegados Márcio Moreno Vera e Alexandra Fachone, que trabalham na Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública (Defaz). O ex-deputado foi convidado a depor na condição de testemunha e não figura entre os investigados do esquema de cobrança de propina em um contrato firmado em 2009 pela EIG Mercados (antiga FDL) com a autarquia. Riva afirmou que em 2010 foi procurado por Savi, que teria revelado a ele sua participação em um esquema de propinas no Detran. O parlamentar teria oferecido uma parte no “negócio” para Riva, que alegou aos delegados não ter se interessado e nem procurado novamente por Savi para avançar na concretização dos repasses. Já em 2014, ao ser novamente procurado por Savi, que teria pedido ao hoje ex-deputado dinheiro para financiar sua campanha, Riva negou a ajuda. O argumento usado foi o de que Savi “já recebia muitas propinas do Detran”. Em resposta, Savi teria dito que “as propinas do Detran não ficavam só para ele, eis que tinha que dividi-la com Pedro Henry, Eduardo Botelho e até para Paulo Taques”. A existência do suposto esquema foi revelada no dia 19 de fevereiro, com a deflagração da Operação Bereré, pela Polícia Civil e Ministério Público Estadual. Até o momento, 49 pessoas figuram na condição de investigadas e a Justiça determinou o bloqueio de R$ 27,7 milhões dos suspeitos, montante que os responsáveis pela investigação acreditam terem sido desviados.

quarta-feira, 7 de março de 2018

DEPUTADOS EMBUSTEIROS!
CPI "ENGANA TROUXAS" FAZ DE TUDO PARA IMPEDIR PUNIÇÃO AO GOVERNADOR PEDRO TAQUES, AMEAÇADO POR PROVAS DOCUMENTAIS QUE PODEM CASSAR SEU MANDATO
==============
A VERGONHOSA ATUAÇÃO DE PARLAMENTARES COM MILIONÁRIOS "ACERTOS GOVERNAMENTAIS" TENTANDO "COBRIR SOL COM PENEIRA"!!!

Com a fraca "oposição" escanteada do processo, deputados da "base" preparam final "pizzalove" para a malfadada "CPI das Pedaladas"...O presidente da Associação Mato Grossense dos Municípios , Neurilan Fraga (PSD) afirmou que documento encaminhado pela Controladoria Geral do Estado (CGE), aponta que houve desvios do recurso do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A partir disso, ele destaca que houve crime de responsabilidade fiscal, cometido pelo governador Pedro Taques (PSDB). "Eu já recebi um relatório da Controladoria Geral do Estado, aonde o governo praticamente assume que de fato apoderou-se de recursos do Fundeb, mas alegando que final do ano, ele passou para as prefeituras e está tudo resolvido, não está tudo resolvido. Houve crime sim, se isso comprovadamente está no documento, houve crime de responsabilidade fiscal", esclarece o presidente. Em contrapartida, o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), relator da CPI dos Fundos, na Assembleia Legislativa acredita que houve o remanejamento do recurso, mas por uma causa justa. O parlamentar conta que os valores só foram repassados aos municípios no final do ano, pelo governo do Estado ter vivido um momento difícil. Porém, vai apresentar os fatos, para que seja apreciado em plenário. "Vamos relatar os fatos que ocorreram, eu particularmente entendo e tenho a visão que houve o remanejamento do recurso, isso é inegável, agora nós precisamos ver para que foi usado este recurso. O governo usou para pagar empresa é uma situação, usou para pagar fornecedor é outra, usou para pagar saúde ou pagar o funcionário público foi uma questão de opção. Se ele usou neste sentido, eu acho que tem que ter o bom senso melhor na hora que levar em plenário", disse Nininho que acrescenta: "Foi retido em um momento de dificuldade para poder tentar manter a saúde, o servidor. Porquê o Estado vem com dificuldade do fechamento da folha todo mês é uma tortura para poder encontrar os recursos, o Estado está gastando mais do que arrecadando". Neurilan deve ser ouvido pela CPI no próximo dia 20. Ele explica que vai levar os números dos valores que o Estado estava repassando de ICMS e quanto em relação ao Fundeb mês a mês, nos anos 2015, 2016 e 2017, e quer provar para Comissão que há uma disparidade no que o Estado estava repassando em termo de Fundeb com o que estava repassando em termo de ICMS, por ter uma relação diretamente em termo de ICSM e Fundeb.

DEPUTADO COLOCA GOVERNO TAQUES ABAIXO DE BOSTA DE CALANGO E VOTA POR REPROVAÇÃO DAS SUAS CONTAS: QUER PRISÃO E AFASTAMENTO DO GOVERNADOR "TRAMBIQUEIRO"

Citando diversas irregularidades gravíssimas, o deputado estadual Zeca Viana (PDT-MT) apresentou na terça-feira (06) o seu voto, em separado, pela reprovação das contas de gestão do governador Pedro Taques (PSDB) referentes ao ano de 2016. Seguindo o parecer do Ministério Público de Contas (MPC), Zeca aponta que o governador cometeu crimes de responsabilidade durante sua gestão. Entre as irregularidades identificadas, estão os atrasos nos repasses aos poderes, "pedaladas fiscais" e descumprimento dos repasses do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), o que inclusive já levou à criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). “O senhor governador burlou a lei, manipulando a opinião pública, e administra desastrosamente e irresponsavelmente o Estado. Por isso, meu voto é pela reprovação das contas referentes ao exercício de 2016. Quero dizer que esse é meu voto, por esses erros gravíssimos e crimes de reponsabilidade que o governador cometeu”, disse Zeca, que é membro titular da Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO). As contas ainda não foram votadas pelos deputados e a pauta da Assembleia Legislativa encontra-se sobrestada no momento, aguardando a votação dos vetos do governador. O relator das contas, deputado Jajah Neves (PSDB), deu parecer favorável às contas do governo. Zeca, no entanto, defende que os demais parlamentares votem pela reprovação das contas, como forma de garantir a estabilidade jurídica em Mato Grosso. “Agora vai ficar a cargo dos colegas deputados para fazer a avaliação, se realmente vamos dar o nosso voto para a moralização, ou vamos continuar votando na indecência, como já foi votado muitas vezes atrás aí, e na imoralidade. Se quisermos realmente recuperar a imagem desse parlamento e a imagem dos políticos, temos que começar da forma mais correta e transparente possível”, afirmou. O próprio Ministério Público de Contas recomendou à Assembleia Legislativa de Mato Grosso que fosse instaurado um processo de impeachment contra o governador Pedro Taques por causa das pedaladas fiscais e dos atrasos nos repasses do duodécimo. "A independência e harmonia dos poderes (atualmente denominadas funções estatais), bem como a definição de data para repasse dos duodécimos, existe justamente para que uma função estatal não interfira e/ou inviabilize outra, para garantir a segurança jurídica e econômica", sustenta, no parecer. Ainda não há previsão de quando acontecerá a votação final das contas de gestão do governo Pedro Taques referentes ao ano de 2016.
CADEIA PARA GOVERNADOR
Zeca Viana endureceu o discurso e chegou a usar a tribuna, na noite da terça  para pedir cadeia ao tucano por conta do esquema de desvio de recursos do Detran na Gestão Silval Barbosa que resultou na deflagração da Operação Bereré. Afirma que Taques foi omisso ao não romper o contrato com a empresa EIG e de mentir para a sociedade sobre a existência de multa no valor de R$ 100 milhões em caso de rescisão contratual. Além de responsabilizar o chefe do Executivo, pediu que o procurador geral de Justiça, Mauro Curvo, tome providências para colocá-lo atrás das grades. Na verdade, o pedetista repetiu em partes o discurso feito na semana passada em que utilizou palavras duras como “mentiroso” e “porcaria” para se referir a Taques. A fala teve aprovação de Janaina Riva, Valdir Barranco e Allan Kardec que compõem com Zeca o bloco oposicionista da AL. O único que fez a defesa do governador foi Daltinho. Apesar do discurso inflamado do pedetista e que tende a endurecer com a proximidade das eleições, Taques sequer é investigado neste caso.

PRIMOS ENVOLVIDOS ATÉ O PESCOÇO

Os empresários Marcelo da Costa e Silva e Roque Anildo Reinheimer, sócios da empresa Santos Treinamento, afirmaram que o ex-secretário chefe da Casa Civil Paulo Taques foi contratado pela empresa EIG Mercados (antiga FDL) um dia após o resultado da eleição vencida pelo governador Pedro Taques (PSDB), primo do ex-secretário. A Santos Treinamento e a EIG Mercados, assim como seus sócios e ex-sócios, são alvos da Operação Bereré, deflagrada no mês passado, que apura esquema de fraude, desvio e lavagem de dinheiro no âmbito do Detran-MT, na ordem de R$ 27,7 milhões. As informações constam em depoimentos prestados junto à Delegacia Fazendária (Defaz) e ao Ministério Público Estadual. Nas oitivas, eles confessaram ter participado do esquema.

 LADROAGEM CONTINUA A 200 POR HORA 

O Detran contratou por R$ 3,22 milhões, a empresa paulista Thomas Greg & Sons para fornecer o serviço de automação de exames teóricos eletrônicos e impressos, com reconhecimento de imagem e impressões digitais de condutores de veículos no Estado. A contratação foi publicada no Diário Oficial do Estado, que circula nesta quarta-feira (07), destaca que a vigência do contrato é por 12 meses. A empresa é uma das investigadas na Operação Bereré, que aponta indícios de suposta participação da mesma em delitos no Detran.

ELY SANTANTONIO
Fatos e Fofocas






DE OLHO NO CÚ DO COVEIRO PASTOR KLEBER LIMA, hoje titular da Cultura Estadual, foi aconselhado a fingir de morto.
===========

SEJA CIVIL OU MILITAR, ESPERO AINDA ESTAR VIVO PARA VER O BRASIL COM SEUS ANTROS DE CORRUPÇÃO, TRAMBIQUES, CABIDES DE EMPREGOS E SAFADEZAS EM GERAL, EXTINTOS: PARLAMENTOS, PREFEITURAS, GOVERNADORIAS, TRIBUNAIS, ETC., ETC., ETC... 

REELEIÇÃO EM RISCO SECRETÁRIO WILSON SANTOS teve suas contas de campanha (2016, para prefeito) reprovadas pela segunda vez.
===========
GOVERNADOR CRIMINOSODEPUTADA JANAÌNA RIVA, mais uma vez, apontou o governador Pedro Taques como chefão de organização criminosa, sempre cercado de corruptos, desde início do seu governo ...
===========

XOTINHA CARAFREI DORILÊO LEAL (Grupo Gazeta), pressionado por NEIDINHA DO ROSÁRIO para bancar sua carreira de  modelo em São Paulo.
===========
A UM PASSO DO SEPULCROJayme Campos é um bom candidato a governador ou senador. Será eleito sem dificuldades.  Pena que esteja gravemente doente, fazendo tratamento periódico em São Paulo. Sorte do VICE ou Primeiro Suplente.
============

OQUE É QUE "ELA" TEM????Boato na AL MT aponta o governador Pedro Taques como de "cabeça virada" por transexual que, até o ano passado, fazia ponto no ZERO, em VG.
=============

NÃO SOU VEADO!!!!"Fiz plástica no nariz, mas não sou bicha", respondeu irritado o senador Wellington Fagundes à insinuante pergunta de uma repórter cuiabana.
=============

NA HOJE TÃO ACHINCALHADA , TRIPUDIADA, DESRESPEITADA E  OFENDIDA REVOLUÇÃO MILITAR, A PARTIR DE 64, O POBRE VIVIA FELIZ, HAVIA SEGURANÇA E FARTURA NOS SERTÕES E NAS CIDADES. 

SÓ SONHANDO?O deputado federal Adilton Sachetti (sem partido) confirmou que se filiará ao PRB e sonha se eleger senador na vaga de Blairo Maggi.

=============

 MENTIRAS EM SÉRIETodos querendo saber a marca de óleo que o governador Pedro Taques usará em sua "cara de pau" para futuras repromessas no palanque, este ano.

 =============

MACUMBA BRABA!!!!!!Ex-deputado José Riva, acamado e febril neste início de semana, não pode seguir para Brasília, onde entregará aos federais "Raimundo e Todo Mundo". =============== Primo do governador, Paulo Taques poderá, nos próximos dias, ajudar a fechar a "tampa do caixão" de Pedro Taques. São muitos os trambiques aflorando e envolvendo a dupla dinâmica.

===============
UM GRANDE NÓ CEGO Em poucas palavras, aparentemente com débito a receber, o apresentador do RESUMO DO DIA, Roberto França, classificou o governador Taques como "um dos piores das últimas décadas, capacitado para DAR NÓ até em pingo dágua. ================
 GOSTA DE XOTAS???? Em EMAIL enviado à redação do Cacetão Cuiabano, um leitor expôs um segredo supostamente guardado a sete chaves pela deputada JANAÍNA RIVA: "Ela gosta de PERERECAS".

================

CHANTAGEM PESADA????? "Tititi" nos corredores da AL-MT, revelam que o Deputado Mauro Savi se reuniu "às escuras" com o governador Pedro Taques e teria pressionado, ameaçado com ferocidade, por conta de débitos atrasados (esquemas) a receber do governo. Só lembrando, ele preside uma CPI com cheiro de pizza, mas que, de repente, numa virada, pode cassar o mandato do governador.