Contador de visitas

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Um "instituto" onde SAPO vira RINOCERONTE e, se não pagar, ELEFANTE acaba virando FORMIGUINHA!
============ 
MAIS UMA PESQUISA FAJUTA TENTANDO ENGANAR OS ELEITORES DE MATO GROSSO?

=======================================

==

Em Cuiabá, Lúdio tem 33,1%; Taques 28,2% e Riva 8,6%

Instituto Mark ouviu 610 entrevistados em Cuiabá, nos dias 26 e 27 de julho

Reprodução
Clique para ampliar 
Os candidatos Lúdio Cabral, Pedro Taques e José Riva: corrida eleitoral
DA REDAÇÃO
Candidato ao Governo do Estado, o médico Lúdio Cabral (PT) lidera as intenções de voto em Cuiabá, com 33,1%.

Em seguida, estão Pedro Taques (PDT), com 28,2%; José Riva (PSD), com 8,6%; José Roberto (PSOL), com 1,3%, e José Marcondes “Muvuca”, com 0,7%.
 








Ely Santantonio
A Polícia Federal, o Ministério Público Federal,  como já pediu Muvuca e outros candidatos ao Senado, Câmara e AL, tem por dever e obrigação acompanhar de perto a forma descarada como pesquisas FAJUTAS, a exemplo da VOX POPULLI/DIÁRIO DE CUIABÁ (publicamente desmoralizada e sob investigação judicial) e agora "instituto" MARK/RDNEWS e outras que estão por vir, são COMPRADAS, DIRECIONADAS, sem qualquer fundo de verdade e credibilidade, mas , infelizmente, capazes de arrebanhar dezenas de milhares de eleitores desinformados e dispostos a "votar quem estiver na frente", para "não perder o voto".

O Instituto Mark, pertencente a um irmao do deputado Emanoel Pinheiro, fiel escudeiro do governador Silval Barbosa, notório "mamador" em muitas pastas do governo,  já pecou e foi defenestrado em muitos municípios do Estado, por suas pesquisas encomendadas, muito bem pagas, e, em muitos dos casos, sem "entrevistadores em campo", ou seja, sem ninguém para, de verdade, ouvir a população. Elaboradas entre quatro paredes, beneficiando quem paga mais.

Buscando no esquemas da  trambiqueira SECOM de Marcão (proibida de pagar neste período eleitoral, mas sempre dando um "jeitinho") e outras pastas da gestão Barbosa, chega-se facilmente aos patrocinadores da PESQUISA ALOPRADA. Não que Lúdio Cabral (PT) seja rejeitado pelos cuiabanos, que Pedro Taques (PDT) não tenha boa aceitação na Capital ou que José Riva (PSD) seja praticamente absoluto no interior do Estado. O risco está nos números (exagerados para um e miserentos para outros) e na certeza de que, impulsionado por fortunas que Barbosa e associados despejam no candidato governista, em breve, via MARK/RDNEWS, Lúdio esteja "isolado na ponta", como candidato imbatível, em municípios onde nunca botou os pés e muitas das notícias ainda chegam a cavalo nas milhares de fazendas e sítios.

domingo, 27 de julho de 2014

PARA PRESIDENTE DA AL, SAÍDA DE JAYME CAMPOS BENEFICIOU CANDIDATURA DE RIVA 

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Romoaldo Júnior (PMDB - FOTO), avaliou que a desistência do senador Jaime Campos (DEM) a reeleição, irá provocar um novo cenário nas eleições do Estado de Mato Grosso. O parlamentar disse que agora, não tem dúvidas que haverá 2º turno para o Governo e acrescentou que com a saída de Jaime, o deputado estadual José Riva (PSD) passa a ter mais chances na eleição ao Governo do Estado.
MAURO MENDES APONTA PDT DE TAQUES COMO VILÃO NA DESISTÊNCIA DE JAYME CAMPOS 



 Em entrevista a um programa de TV da Capital, o prefeito Mauro Mendes(FOTO) negou que tenha traído Jayme Campos: "Já na convenção pedi votos para ele em meu discurso. Mas não vi ninguém do PDT fazer o mesmo". Revelou.
"NESSA BARCA FURADA NÃO ENTRO"
Quanto a assumir a candidatura ao Senado, ao lado de Pedro Taques, Nilson Leitão foge da raia. Centrado nos próprios interesses, ele não quer se arriscar e buscar se mantém como candidato à reeleição para a Câmara Federal. É uma recusa que expõe falta de fá nas possibilidades eleitorais da chapa da direita, em Mato Grosso
Alegando falta de dinheiro e outras coisitas mais, o deputado federal Nilson Leitão (PSDB - FOTO) pulou fora da "barca furada" como muitos analistas consideram a candidatura de Pedro Taques ao governo. Não aceitou ser seu candidato ao Senado, na vaga deixada por Jayme Campos.
Deputado Azambuja racha com Pedro Taques e declara apoio a José Riva 

 Só nesta semana, nove candidatos desistiram de concorrer às eleições pela coligação "Coragem e Atitude para Mudar", encabeçada por Pedro Taques (PDT). Na manhã de sábado (26), o deputado Estadual Antônio Azambuja (PP - FOTO) anunciou o apoio à candidatura de José Riva (PSD) e disse que não há lugar para aventureiros no governo. “Não tenho motivos para esconder a minha opção, por isso, apoio Riva ao governo", disparou.
Taques reafirma compromisso de fortalecer atendimento de saúde no interior
Taques reafirma compromisso de fortalecer atendimento de saúde no interior
 Em campanha pelo interior do Estado, candidato Pedro Taques (PDT) visitou a cidade de Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá) e afirmou, que se eleito, tem o compromisso de fortalecer o atendimento no interior do Estado, diminuindo a demanda da capital. Em visita o Hospital de Câncer, ele citou que sempre destinou suas emendas prioritariamente para saúde, educação e segurança.


Muvuca defende criação de clínicas de recuperação em 141 municípios

Muvuca defende criação de clínicas de recuperação em 141 municípios
 O candidato ao governo do Estado de Mato Grosso, José Marcondes “Muvuca” (PHS), visitou a região conhecida como cracolândia, em Cuiabá, nas imediações do terminal rodoviário, no bairro Consil. Emocionado, ele disse que tem como missão de vida resgatar as pessoas que sofrem desta que é considerada uma das doenças mais graves da sociedade moderna, o vício das drogas.
JOSÉ RIVA COMEÇA  MOSTRAR "PODRES" DE PEDRO TAQUES MACULANDO SUA ÁUREA DE "ANJO SAGRADO"


Classficado pelo senador Pedro Taques como "ficha suja, bandido, quadrilheiro" em seus discursos pelo interior de MT, o deputado José Riva resolveu responder a altura e começa a apontar os "podres" do adversário, que segundo ele são muitos, e alguns "impublicáveis". Em entrevista a um site no final de semana, afirmou: " Desde quando procurador ele já tinha projeto político e me usou para se projetar. Mas a sociedade verá que Taques é igual a todos os políticos que estão aí”. “A sociedade vai perceber que o senador Pedro Taques não é diferente de ninguém. Aliás, ele tem tanto, ou mais vícios, que outros políticos, porque é uma pessoa que começou sua primeira campanha fraudando ata e omitindo despesa em sua declaração à Justiça Eleitoral", disse. "Por exemplo, eu ainda quero entender qual o avião supersônico que o senador Pedro Taques utilizou, em sua campanha ao Senado, em 2010, para voar esse Estado inteiro em menos de 8 horas, como ele declarou. Ou é um supersônico, ou é caixa 2, coisa que ele sempre disse que combateu”, criticou
DENÚNCIA 
Empresário doador de Walace tem vários contratos com a Prefeitura de VG


 O Ministério Público Estadual (MPE/MT) recebeu denúncia anônima e está investigando a contratação de empresa, cujo proprietário teria sido doador de campanha do prefeito Walace Guimarães (PMDB) nas eleições de 2012. De acordo com inquérito civil, instaurado pelo MPE/MT, para apurar a denúncia, empresas ligadas ao empresário Kleverson Luiz da Silva têm vencido várias licitações em Várzea Grande, na gestão de Walace. Uma dessas empresas é a WL da Silva & Cia Ltda – ME, cujo nome fantasia é Capitólio Produtos e Serviços, de propriedade de Natalia Rita de Carvalho e Willian Luiz da Silva. Um dos proprietários da empresa (Willian Luiz da Silva) é irmão de Kleverson da Silva – amigo próximo do ex-presidente do DAE/VG, Evandro Gustavo Pontes da Silva. A empresa foi uma das vencedoras do pregão presencial 02/2013 do DAE/VG, que também é objeto de investigação do MP por suspeita de direcionamento de licitação.  (VG Notícias)
PEDRO TAQUES TÁ APELANDO? PASSOU A MENTIR?

Cida Montenegro, supostamente conversando com Taques na foto...

 Mal contada essa estória de que a esposa do comendador João Arcanjo, jornalista Cida Montenegro, abordou em Feira do CPA o candidato a governador Pedro Taques, para declarar seu voto de apoio ao postulante. Taques ferrou com a vida de Arcanjo, de seus familiares e com milhares de pessoas em Mato Grosso que ganhavam o pão de cada dia com o Jogo do Bicho, uma aposta popular tão inofensiva quanto a Loteria Federal e seus filhotes, mas marginalizada e quase extinta no País por pressões de Brasília.

sábado, 26 de julho de 2014

Otaviano Pivetta
DE MOTORISTA DE CAMINHÃO, GOLPISTA DO BB A BRASILEIRO BILIONÁRIO, "REI DA MORALIDADE" E "BRAÇO DIREITO" DO SENADOR PEDRO TAQUES


O homem chegou ao Norte de Mato Grosso dirigindo um caminhão... MOTORISTA DE CAMINHAO DE MUDANÇA... Por sinal uma profissão bastante dígna. E foi nesse ramo que começou a sua fortuna, hoje estimada em mais de UM BILHÃO DE REAIS. É possível tal transformação? Sim!... Leva tempo, mas é possível, tendo muita sorte, ganhando na loteria várias vezes ou descobrindo alguma extraordinária mina de ouro e diamante. Traficando drogas (grande cargas) também se chega a esse patamar... Só que Otaviano Pivetta, hoje falando grosso e em moralidade na gestão de patrimônio público, é mais conhecido por aplicar um golpe milionário no Banco do Brasil, em Lucas do Rio Verde, na condição de presidente da COOPERLUCAS. Analistas estimam o rombo, em valores de hoje, a um motante superior a R$ 600 milhões. Aí fica fácil... Não vai preso, não devolve o dinheiro, entra na política, tem imunidade, e vai aplicando o dinheirinho "suado" em terras baratas, empresas falidas, logo valorizadas com a injeção de parte dos milhões surrupiados. Resumindo, agora um dos homens mais ricos do Brasil, que hoje fala grosso em "MORALIDADE".VEJAM A MATÉRIA DO RDNEWS: 

Quem gosta de bajulação e esmola deve se bandear para Riva, diz Pivetta 

Enquanto o candidato a governador José Riva (PSD) espalha aos “quatro ventos” que já conta com apoio de mais de 70 prefeitos e centenas de vereadores, incluindo lideranças filiadas a siglas coligadas com os adversários Pedro Taques (PDT) e Lúdio Cabral (PT), as coordenações de campanha tomam providências para conter a possível debandada. Os dirigentes correm contra o tempo, uma vez que o social-democrata percorre o interior e promete anunciar, na próxima semana, a lista dos apoios cooptados. Neste sentido, o prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), um dos coordenadores da campanha de Taques, revela que as lideranças do grupo estão conversando individualmente com insatisfeitos para explicar o papel dos prefeitos e vereadores no projeto político da coligação Coragem e Atitude pra Mudar (PDT, PP, DEM, PSDB, PSB, PPS, PV, PTB, PSDC, PSC, PRP, PSL e PRB). 

Garante, no entanto, que não pretendem bajular ninguém. “Quem gosta de bajulação, clientelismo e esmola deve se bandear para o lado do Riva porque essa é a prática daquele grupo”, dispara. Pivetta também considera que os prefeitos e vereadores dos partidos que apoiam Taques são lideranças que não se vendem. Por isso, sustenta que após o diálogo não existe necessidade de “vaciná-los” contra as investidas de Riva. De acordo com Pivetta, os prefeitos e vereadores da coligação Coragem e Atitude pra Mudar, a exemplo de Taques, também defendem o Estado administrado com honestidade e eficiência. Assegura que não coadunam com a política clientelista de Riva, que consiste no apoio político conquistado na base da troca de favores com os gestores municipais.

"ENGABELADO" POR SILVAL BARBOSA E "MARCÃO", MAKSUÊS LEITE RUFA CACETE EM SECRETÁRIO DE FAZENDA 
 

Com débitos a receber da SECOM estadual e outras pastas dadivosas, mesmo com liberações fornecidas pelo simpático e magérrimo "Marcão", além do próprio governador  próprio Silval Barbosa, o Grupo ODOCUMENTO que "mama" no Governo Estadual, AL e outras paragens, "rufa cacete" no titular da Sefaz, que impõe entraves para liberar o "bereré". Furioso, o ex-deputado Maksuês Leite, dono do grupo, além de apresentador de TV, pastor religioso e bom jornalista, volta todas suas baterias com o Marcel Cursi que, certamente, nada mais faz que cumprir determinações superiores, ou seja, do próprio Barbosa, que determina "liberação" na frente dos "otários" mas, por telefone, combina o contrário com o secretário de Fazenda... VEJA A MATÉRIA do raivoso Maksuês: 

 Secretário estadual resiste a cumprir ordens de Silval
 Fonte: ODOCUMENTO

 Mesmo sob ordens do governador, o secretário de Finanças nega-se a liberar recursos para quitação de débitos com fornecedores, causa clima de desconfiança a quem presta serviços ao Estado, e cria a imagem de caloteiro para o Governo O governador Silval Barbosa está enfrentando um sério problema interno no que tange às finanças do Estado. Uma fonte de ODOC informou que praticamente todos os demais secretários temem, ao fim do governo, que o plano de ajustes e quitação de compromissos do governo, como orientou e anunciou Silval, possa não funcionar, visto que o secretário Marcel Souza de Cursi (Fazenda), simplesmente se recusa a seguir às diretrizes e ordens do chefe do Executivo. 

 De acordo com um deputado, que recebeu as queixas de alguns fornecedores do Estado, o titular da Fazenda não recebe com espírito de equipe os demais colegas, não atende às demandas, por puro capricho e paga quem bem entende. _”A situação é preocupante porque o sr. Cursi não obedece nem mesmo o governador. Se não segue às ordens do chefe, como pode atender ás solicitações, ofícios e apelos dos colegas secretários?”, afirmou o mesmo deputado, que promete endurecer e propor uma convocação do secretário à Assembleia Legislativa para que se explique no parlamento. O secretário-chefe da Casa Civil,Pedro Nadaf, por meio de assessoria, disse que vai se acercar do assunto, mas que não iria se pronunciar a respeito. Por outro lado, os demais setores da administração lembram o fato em que o governo começa a sofrer de desgaste e conflito e autoridade, e, também, a receber pressões de fornecedores. “Ele paga quem bem entende, não segue calendários e fica de mau humor se algum secretário lhe cobra.
MT SANGRENTO
 Matou a esposa com tiros e golpes de picareta, mas está "enjaulado" 

 

A Polícia Judiciária Civil prendeu o homem que assassinou a própria esposa a tiros e golpe de picareta na cabeça, em Chapada dos Guimarães (67 km de Cuiabá), no dia 7 de julho deste ano. O autor do crime, João Rocha dos Santos (FOTO), 39 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (24), na cidade de Chapada, em cumprimento de mandado de prisão preventiva. O preso era procurado pelos policiais civis de Chapada desde o crime, quando por ciúmes atirou cinco vezes contra a companheira, Érica Angela Martins, 23 anos, e depois desferiu um golpe de picareta na cabeça da mulher, com quem morava há mais de 10 anos e tinha dois filhos de 6 e 10 anos. O crime ocorreu na casa onde o casal morava, em uma chácara, na qual o suspeito era caseiro.
PIVETTA AFUNDA CANDIDATURA DE TAQUES: DEBANDADA SÓ AUMENTA 

 O vereador por Cuiabá Lilo Pinheiro e outros nove candidatos a deputado estadual pelo PRP devem anunciaram a desistência de disputar as eleições na sexta (25). A decisão foi motivada pelo descontentamento com posturas  ditatoriais tomadas pelo prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT-FOTO), um dos coordenadores da campanha de Pedro Taques (PDT) ao Governo. Entre os desistentes estão os vereadores por Cuiabá Leonardo de Oliveira (PTB), Oséas Machado (PSC) e Mário Nadaf (PV), além do deputado estadual Antônio Azambuja (PP) e do empresário Alexandre Demarchi (PTB).
APOIOS PARA RIVA 

Divina Oda, do Pros: apoio declarado a Riva
O candidato ao governo, deputado José Riva (PSD), recebeu apoio, na tarde desta sexta-feira 25, da prefeita de Pontal do Araguaia, Divina Oda (PROS - FOTO), e de dois vereadores do PSB de Barra do Garças, João Rodrigues de Souza, dr. Joaozinho, e Valdei Leite Guimarães, o Pebinha da Saúde.  

SENADORA REJEITADA

Segundo o ex-todo poderoso Antônio Pagot, o PTB de Chico Galindo apresentou o nome da ex-senadora Serys Slhessarenko para substituir Jayme Campos na candidatura ao Senado. .. O grupo de Taques nem discutiu o assunto!

VEREADOR "REBELDE"

E a debandada continua: Em VG, o conhecido vereador "Ferrinho", do PROS, afirmou que não apoiará Walternir e Pedro Taques. "Dessa vez vou José Riva", afirmou o "rebelde".

DISCÍPULO DE JESUS?



Presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Romoaldo Júnior (PMDB) prevê gastar R$ 3 milhões em sua campanha. Ex-prefeito de Alta Floresta, o parlamentar declarou à Justiça Eleitoral que não possui nenhum bem material. Em sua conta corrente, ele disse ter módicos R$ 1,7 mil - mais R$ 250 mil em dinheiro "vivo".,, Nenhuma fazenda, casa ou empresa!

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Revista LIBERAL  e DIÁRIO DO POVO, duas publicações impressas da Editora MCD a serviço da VERDADE em Mato Grosso!




NOSSOS NOVOS TELEFONES!

Para denunciar, informar, participar, ligue e fale com o editor:

65-96120286
65-99671885

Empenho de poderosos chefões do Crime Organizado em Mato Grosso em "QUEIMAR" mais um arquivo!
 CABRA MARCADO PARA MORRER, "HOMEM BOMBA ÉDER MORAES TEM SUA SEGURANÇA REFORÇADA POR AGENTES FEDERAIS  EM CUIABÁ DEPOIS DE AMEAÇAS DE MORTE FEITAS EM BRASÍLIA 


ÉDER NOS BONS TEMPOS: forte, bem nutrido e comandando nos bastidores palacianos...


 Por determinação do ministro Dias Toffoli do Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-secretário de Fazenda de Mato Grosso e de outras Pastas, Eder de Moraes, homem forte nos Governos de Blairo Maggi e de Silval Barbosa, não vai abrir a boca. O ministro não autorizou que ele falasse nem com a esposa dele, Laura Tereza Dias, pois ela também responde processos junto com o marido. Eder e a esposa estariam sendo ameaçados de morte. Uma das ameaças teria acontecido dentro da Penitenciária da Papuda, em Brasília, onde ele esteve custodiado desde 20 de junho até está quarta-feira, 23, quando veio para Cuiabá. Porf medida de segurança, Eder teve a segurança da Polícia Federal reforçada, e o local de sua estadia não será divulgado. Eder de Moraes, segundo, também não veio para Cuiabá prestar depoimentos. Ele só veio porque pediu para acompanhar os depoimentos das de Blairo e Silva, que ele arrolou como testemunhas de defesa. E por onde anda Eder de Moraes? Ele é apontado como o ?operador? de um dos maiores escândalos de corrupção de todos os tempos envolvendo altas autoridades do Estado de Mato Grosso. Como o ministro Dias Toffoli também dispensou os depoimentos de Blairo Maggi e Silval Barbosa, justamente porque os dois também são investigados pelo STF, Eder agora só acompanharia os outros depoimentos se quiser.  Procurado por várias partes da Grande Cuiabá, principalmente por jornalistas, Eder de Moraes, no entanto, não foi localizado.

 As informações de que ele ficaria à noite na sede da Polícia Federal (PF), e depois dos depoimentos iria para a Polinter, não eram verdadeiras. Primeiro, na sede da PF não existe custódia, muito menos uma cela. Segundo, a sede da Polinter também não custódia e também não tem cela, pois a Polinter cumpre apenas um papel: prender procurados através de mandados expedidos de Mato Grosso e de todas as cidades brasileira. Terceira, restava apenas um local onde Eder de Moraes poderia estar custodiado até volta, caso ele ainda retorne para a Penitenciária da Pupuda, em Brasília, onde esteve preso desde o dia 20 de junho deste ano, seria o Anexo-1 da Penitenciária Central do Estado (PCE), onde funcionava a antiga Delegacia da Criança e do Adolescente (DEA), nos fundos da sede BOPE. Para o Anexo-1, é de responsabilidade do Sistema Prisional, ligado à Secretaria de Justiça de Mato Grosso, Eder de Moraes também não foi, e se foi, ninguém quis informar por medida de segurança. O certo mesmo, é que o ex-homem forte dos Governos Blairo e Silval está guardado a sete cheves e proibido de falar. Aliás, Eder de Moraes teria mandado um recado através de seus advogados, Paulo e Fábio Lessa, de que não queria falar com ninguém, só com os membros de sua família e com, a autorização da Justiça e do Sistema Penal, encarregado por sua segurança. Segundo o advogado Fábio Lessa, o cliente dele pediu até para que seus próprios amigos não o procurassem, pois tanto ele não podia falar como ele mesmo não queria falar com ninguém. ?O Eder só vai falar com a família dele. Ele não receberá nenhum amigo?, afirmou Fábio Lessa. (José Ribamar Trindade, 24horasNews)